quinta-feira, 2 de abril de 2009

No segundo período

No segundo período faltei um dia.
No segundo período fiz uma greve.
No segundo período tive 11 reuniões.
No segundo período dei 20 negativas.
No segundo período trabalhei 56 dias úteis.
No segundo período escrevi 278 sumários.
No segundo período avaliei e assinei 612 desenhos.
No segundo período marquei 640 faltas...

Quantos degraus terei subido e descido, no segundo período?

10 Sementes:

Buzas 9:41 da manhã  

Impressionante, 640 faltas...

Cenoura 9:53 da manhã  

Já 'falamos' sobre isso...

fantasma 11:38 da manhã  

Bem, se eu fosse a contar as minhas reuniões... parece que não se trabalha aqui ;)

Cenoura 11:47 da manhã  

O meu único problema Fantasma, é que as reuniões, para nós, são todas FORA do horário de trabalho. Ou seja, trabalha-se o 'dia normal' e DEPOIS têm-se as reuniões. Eu, no total desde ano, vou com cerca de 73 horas de reuniões o que quer dizer que, de acordo com o meu horário, já trabalhei de graça 3 semanas...
Esta semana cheguei a casa 3 vezes depois das 9 da noite. Ou seja, para lá da hora de deitar os meus filhos e ainda nem tínhamos jantado.
Parece que Professor já não pode ter vida própria, casa ou família... Isto vai bonito.

Ana O. 3:10 da tarde  

Bom, oh D. Cenoura, isso do dia normal de trabalho tem que se lhe diga. Quantas horas por dia consideras um dia normal? É que eu trabalho todos os dias 8 horas e as horas de chegar a casa é sempre por volta das 7, isto se não for às compras, porque se assim for é sempre entre as 8 e 9.

fantasma 3:11 da tarde  

Sim, mas eu por ter as reuniões dentro do horário de trabalho não quer dizer que faça horas certas. Porque o trabalho continua a ter de ser feito e se estou 2 horas numa reunião posso bem ter de ficar 2 horas depois da hora normal de saída. Não dá para contas as horas que trabalho de graça. Essa coisa que os empregos "normais" são das 9 às 6 é muito bonito no papel.
Os empregos cada vez puxam + por nós, essa é a verdade.

Cenoura 3:27 da tarde  

Sim, desculpem-me, tinha-me esquecido de referir isso.
É o que dá só falar com professores...
O meu 'horário' normal de trabalho inclui cerca de 6 horas a dar aulas e 2 a 3 horas de trabalho em casa.
Quando tenho reuniões tenho na mesma de trabalhar em casa (sempre a roubar horas à cama, claro) porque no dia seguinte seguinte nem me posso atrasar 5 minutos nem de dizer ah e tal não preparei a aula de hoje muito bem porque ontem tive reunião...

Ana O. 3:36 da tarde  

Pois, talvez só mesmo os professores se possam entender uns aos outros, é que eu começo a pensar que não entendem as outras pessoas!
É que se me dizes que trabalhas 6 horas e mais 3 em casa, isso faz 9, 9 horas é o que eu passo todos os dias no trabalho, isto se não fizer horas extraordinárias. O H. faz 13 horas todos os dias e muitas vezes ainda traz trabalho para casa, trabalho esse em que muitas vezes sou eu que o ajudo, contabiliza aí mais 2 ou 3 horas.
Mas pronto, não tenho filhos dizes tu (por enquanto), agora pensa que há pessoas como eu que também têm filhos e quase só os vêem ao fim de semana.

Se calhar não devia dizer nada, mas começo a ficar cansada de ouvir por todo o lado que os professores andam mal, que cada está mais complicada a vida para eles. Então e as outras pessoas? Só porque não fazem manifestações ou greves, não existem?

fantasma 3:48 da tarde  

Nem é preciso ir muito longe, o Sr Buzas ali em cima, sei pelo próprio que eles é raro chegarem a casa antes das 9, e ainda têm de fazer jantar para os 4, e principalmente a Sra Buzas trabalha ainda muitas vezes durante a noite. Quando os miudos eram pequenos nunca iam para a cama às 9 porque muitas vezes nem em casa estavam ainda.
Toda a gente tem de coisas menos boas por causa do trabalho, não são só os professores. É só isso.

Cenoura 4:26 da tarde  

Amigas, hello?. Eu só contabilizei o que fiz. Não disse que trabalhava mais que vocês nem que as outras pessoas não existem. Não meti filhos ao barulho, nem compras de supermercado, nem as ajudas que dou ou não dou ao meu marido.
Se o meu emprego tem diferenças em relação aos outros? Sim, claro que tem. Eu não me posso atrasar 5 minutos no trânsito que tenho falta e acabou, não tenho tempos mortos durante o dia, não posso pegar num livro, tenho sempre trabalho para fazer em casa mas não estava a dizer que vocês não trabalham ou que trabalham menos.

Counter

  © Blogger template 'Personal Blog' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP