quinta-feira, 8 de setembro de 2005

Azul...

Eu sei que até devia andar contente.
Nunca fui colocada tão cedo como este ano (a verdade é que também nunca o fui com tão poucas horas...) mas ando completamente azul. Fazem-me ir 4 dias à escola, 3 dos quais só para dar 90min de aulas. Onde é que isto já se viu?! Em todas as escolas por onde tenho passado com horários pequenos têm-mos arrumado bem, mais compactados, para o prejuízo não ser tão grande... Ainda por cima todas ao fim da tarde. Eu que estava tão esperançada de tê-las de manhã para não ter de pôr o M. num ATL...
Irrita-me que me marquem reuniões para as 9:30 que não começam antes das 10 quando nem imaginam as coisas que eu já fiz antes de lá chegar (e a horas!). Irrita-me a pseudo simpatia de quem vem ter comigo com um 'Ah! Estás cá outra vez este ano?! Que bom!' quando há 4 anos atrás fingiam não me conhecer. Irrita-me a pseudo-competência perante 'os novos' de quem eu conheço de ginjeira. Mas, enfim, deve ser só mesmo mau feitio da minha parte...
As obras ainda nem a meio vão. Eu queria ter conseguido ir ainda para a esplanada da praia descansar a cabeça. Ler. Apanhar ar. Ver o mar. Não fazer nada. Estar para lá sem ter de olhar para o relógio a pensar no almoço, nas compras, nas arrumações e não consigo fazer nada do que eu quero. Nunca.
Ler durante o dia é impossível, fazer qualquer coisa sem ser o 'obrigatório' é impossível, sair de casa com o L. a trabalhar na obra é impensável.
Começo o ano já cansada... Acho que se avizinha um ano de 'indispensável funcionalismo público'. O que vale é que digo sempre isto da boca para fora. Os miúdos não merecem esta atitude. Coitados, os últimos culpados e os que sofrem na pele...
Resta-me a frescura do meu canto-para-ler, à noite, onde me tenho consolado com uns belos livros (à conta dumas horas de sono perdidas) depois de ter deitado os miúdos, de já ter servido de enfermeira ao pedreiro, de já me ter chateado pois já houve quem se tivesse levantado indevidamente umas 10 vezes para mais um beijinho, mais um copo de água ou para me dixer maixe outra coixa...
Credo, que ando tão azul.
Quando é que começavam as férias, mesmo?

7 Sementes:

caracois 8:34 da tarde  

Força, amiga. São fases. Eu também não ando nada bem. Será que é sol a mais. Antigamente, sabíamos quando acabava o Verão e começava o Outono. Já viste há quanto tempo não temos Outono? Eu acho que isto do tempo nos dá a volta à cabeça.
Azul é uma boa escolha. Eu, para mim, escolheria o lilás.
Beijos
Paula

Witchie 2:55 da manhã  

Por outro lado, o azul é uma cor tão bonita... Beijo grande, com saudades *

Virgulina 9:33 da manhã  

Oh amiga, podemos fazer alguma coisa para ajudar? Se calhar, só mesmo mandar muitos beijinhos e abraços para ver se arrebitas um bocadinho.
Ao menos estás azul que é a minha cor favorita e nada deprimente. Eu quando fico em baixo, é mesmo preto! :op

Patrícia 10:24 da manhã  

ó estrumpfina.....tu és cenoura, não és azul!!! Espero que tudo comece a correr melhor rapidamente, e que te animes, que nós ficamos preocupados com estes posts!!!!

gata 9:23 da tarde  

... compreendo te e não passo por metade. beijinho grande, amiga...

PA 8:33 da tarde  

O meu problema nem é ter o horário desencontrado do M. O meu ÚNICO problema é que graças à "duas-ministras-atrás" se não me derem mais duas horas de trabalho eu NEM SEQUER me posso candidatar para o ano que vem.
Não, desculpem... o que é que andei a fazer nos últimos 7 anos?
Que sensação estupidificante...

Anónimo 11:22 da tarde  

Um abração enorme, amiga!
Quem me dera poder ajudar... Alguma coisa, apita!
Bjufinhas fofas
Elsita

Counter

  © Blogger template 'Personal Blog' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP